sexta-feira, 18 de junho de 2010

FESTIVAIS DE MÚSICA E DANÇA DE CASCAVEL EM RISCO!!!


Estive hoje pela manhã na escola de Governo liderada por "Pessutão" na FAG (Faculdade Assis Gurgaz), para despachar com a Secretária de Estado da Cultura, Vera Augusto Haj Mussi, assuntos de interesse da nova montagem da ACPT (Associação Centro de Pesquisa Teatral), e por acaso questionei-a sobre os Festivais de Música e de Dança de Cascavel. A Secretária foi categorica: "em ano político, a lei nos impede de repassar recursos para entidades de finalidade cultural, que seria o intermediador dos Festivais"!

Vera Mussi, adiantou ainda que Londrina "novamente" está na frente de Cascavel, e enviou seu "PROJETO DO FESTIVAL DE MÚSICA" para o Ministério da Cultura, para efetuar captação de recursos através da LEI ROUANET, e Cascavel não o fez. Através da Lei Rouanet, o Governo do Estado pode intermediar com empresas ESTATAIS e da iniciativa PRIVADA apoio financeiro para o FESTIVAL DE MÚSICA DE LONDRINA.

ATENÇÃO ARTISTAS DE CASCAVEL

Devido à falta de atenção do Prefeito Municipal de Cascavel, Edgar Bueno, sua secretária Judete Bilibio e a Diretora de Cultura que dá aula em três colégios, Joenara Cechet, estamos sistematicamente perdendo o "tempo" de buscar recursos e de realizar as atividades pertinentes a pasta. Nunca esse setor esteve tão abandonado e caótico. Vamos solicitar uma AÇÃO EFETIVA no setor cultural! A resposta já pode vir nas urnas em outubro elegendo representantes efetivos do setor cultural.

LEMBREM-SE!!!

- A OBRA DO TEATRO MUNICIPAL ESTÁ PARADA!
- O RECURSO DO PONTO DE CULTURA CONTINUA PARADO EM UMA CONTA!
- A CASA DA CULTURA ZONA NORTE ESTÁ LARGADA AS TRAÇAS!
- PERDEMOS OS RECURSOS DOS FESTIVAIS DE MÚSICA E DANÇA JUNTO AO GOVERNO DO ESTADO!
- O CIRCO DA CIDADANIA FOI ABANDONADO PELA CULTURA!
- O CENTRO CULTURAL GILBERTO MAYER ESTÁ CAINDO AOS PEDAÇOS!
- EVENTOS PROMOVIDOS PELA SECRETARIA DA CULTURA SÃO UMA RARIDADE!

ENFIM, CULTURALMENTE CASCAVEL ESTÁ TOTALMENTE ABANDONADA!!!...

2 comentários:

  1. Ainda temos vocês, os artistas e suas iniciativas,também o SESC, por exemplo. Como tudo passa, até quem infelizmente não investe na ARTE, nos artistas, na população consumidora e apreciadora de ARTE, também passará. Entristece saber e presenciar algumas das realidades por você aqui informadas.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir